Postagem em destaque

Procurando Profissional em Análise de Processos de Negócios, BPM, BPMS e Melhoria de Processos, para atuar na Região Metropolitana de Belo Horizonte?

Marco Gandra Brasileiro – Casado 41 anos - CNH B Nascido em Belo Horizonte e-mail gandraribeiro@gmail.com ...

Pesquisar neste blog

21 de out de 2012

Quatro dicas para o sucesso da implantação de BI

Por: CIO/EUA
Em: http://cio.uol.com.br/tecnologia/2012/10/04/quadtro-dicas-para-o-sucesso-da-implantacao-de-bi/


Estudo da Aberdeen ensina a levar as ferramentas de BI à toda a corporação e, assim, ter mais resultados com a iniciativa.

As empresas querem dados mais úteis – e querem que cada vez mais usuários tenham acesso a eles. Mas expandir o uso do BI por toda a organização ainda é um grande desafio. A razão? A falta de habilidades em TI e em Business Intelligence, por parte dos usuários, continua sendo uma grande barreira.

Parte da resposta para o problema está em oferecer ferramentas de BI mais amigáveis. Para conseguir este feito, a CIO dá quatro dicas: 

1. Explore novas ferramentas de BI mais amigáveis. Novas maneiras de entregar Business Intelligence podem ajudar em sua empreitada de entregar as ferramentas para toda a empresa. Uma forma a ser considerada é acessar a ferramenta instalada em um terceiro – no modelo de software como serviço ou “BI sob demanda”. 

2. Encontre maneiras de integrar informações das ferramentas de Web 2.0 ao BI. Os dados provenientes das ferramentas de web 2.0, assim como outras informações desestruturadas, não substituem os dados tradicionais de fontes estruturadas, ainda necessários. Mas podem ser usadas para ampliar os esforços de BI. Analisar grandes volumes de dados históricos revelam tendências, métricas de desempenho e cálculos específicos para o negócio: e esses são os fundamentos da maior parte das iniciativas de Business Intelligence. Mas a habilidade para aprofundar esses resultados históricos com informações relevantes encontradas em blogs de concorrentes e comentários em rede sociais está tornando-se cada vez mais importante para a entrega de resultados significativos para a companhia. 

3. Dê ferramentas que os usuários possam usar independentes da área de TI. Funcionários estão mais inclinados a abraçar ferramentas de BI que possam usar com autonomia. Para criar um ambiente de BI “auto-suficiente”, estabeleça um grupo composto tanto por profissionais de TI quanto de negócios, para atuarem juntos para priorizar as necessidades dos usuários e escolher (ou desenvolver) a melhor ferramenta. 

4. Considere utilizar o BI operacional. Novas soluções de BI automatizam os processos de coleta, reunião e entrega dos dados e são uma das principais promessas no segmento de Business Intelligence. Para descobrir se elas são certas para você, procure dados gerados por processos de negócios que levam a análises automáticas e até mesmo a ações baseadas nessas análises.

Nenhum comentário:

Postar um comentário