Postagem em destaque

Procurando Profissional em Análise de Processos de Negócios, BPM, BPMS e Melhoria de Processos, para atuar na Região Metropolitana de Belo Horizonte?

Marco Gandra Brasileiro – Casado 41 anos - CNH B Nascido em Belo Horizonte e-mail gandraribeiro@gmail.com ...

Pesquisar neste blog

9 de mar de 2013

http://rss.cio.com.br/c/32184/f/499651/s/24feadea/l/0Lct0Bidg0N0Bbr0Ccgi0Ebin0Credirector0Bcgi0Drnd0F0A0Guid0FRSS20E20A120E10A0E110E8722696981750Gsite0Fcio0Gorigem0Fcio0Gurl0Fhttp0J3A0C0Ccio0Buol0N0Bbr0Cnoticias0C20A120C10A0C290Centregar0Eprojetos0Eno0Eprazo0Ee0Edentro0Edo0Eorcamento0Eainda0Ee0Eo0Emaior0Edesafio0Gtitle0FRSS20Gtype0FRSS/story01.htm

Por: Derek du Preez, Computerworld/UK
Em: http://cio.uol.com.br/noticias/2012/10/29/entregar-projetos-no-prazo-e-dentro-do-orcamento-ainda-e-o-maior-desafio/

De acordo com estudo da revista CIO, 94% dos executivos de TI da Inglaterra têm dificuldade na entrega de aplicações corporativas.


Pesquisa realizada pela revista CIO no Reino Unido identificou que mais de 94% dos executivos de TI lutam para entregar projetos de aplicações corporativas no tempo programado e dentro do orçamento. Respondido por profissionais que contam com um orçamento médio anual de TI de 262 milhões de libras esterlinas, o estudo revela que 41%  desse orçamento serão destinados à projetos de aplicações relacionados com operações de negócios e análises.
O levantamento descobriu ainda que 76% dos executivos de TI que têm dificuldade de entregar os projetos dentro do tempo e do orçamento previstos disse que a tarefa está ficando cada vez mais desafiadora. Apenas 24% apontou que tornou-se mais fácil.
Gerentes de TI e CIOs descobriram que, muitas vezes, a dificuldade está nos estágios iniciais de implementação. Quase metade (48%) disse que a etapa mais difícil é o desenvolvimento. Por volta de 38% indicou que a fase de testes é o maior desafio.
Metade dos executivos de TI acredita que isso se deve a uma combinação de fatores, incluindo o tempo consumido para testar os aplicativos, a resistência que eles encontram nos usuários finais, e as habilidades limitadas de seus funcionários na TI.
Parece, no entanto, que os CIOs vão adotar uma abordagem pró-ativa para a resolução desses problemas em 2013. Dos entrevistados, 55% indicaram que pretendem contratar profissionais com conjuntos de habilidades específicas que correspondam às suas necessidades e 46% pretendem contratar uma consultoria para aprimorar os processos.
O desenvolvimento ágil também está na agenda dos profissionais da área de Tecnologia da Informação, com 51% buscando melhorar a agilidade do processo de desenvolvimento.



Nenhum comentário:

Postar um comentário